A LABRE Nacional foi convidada a apresentar casos de interferência eletromagnética em Workshop “Desafios de EMC no Setor Automotivo para o Brasil” ocorrido no Instituto Eldorado em Campinas, no dia 28/11. A Palestra foi proferida pelo nosso colega Eng. João Saad Jr, PY1DPU, membro do GDE (Grupo de Defesa Espectral) e Assessor Técnico da LABRE, que teve, também, a oportunidade de mostrar a defasagem das leis brasileiras de defesa do espectro radioelétrico em relação aos países do primeiro mundo, deixando-nos à mercê do uso de equipamentos eletroeletrônicos “de radiação não intencional” (tudo o que não é de telecomunicações) não aderentes a normas de EMC que limitem a geração de interferências, portanto com potencial prejuízo às telecomunicações e à segurança operacional de todos os sistemas que as usem como a “Internet das Coisas” (IoT), sistemas eletromédicos etc.

Em sequência seguiu-se a palestra da CCR Aeroportos pelo seu representante Cmte Miguel Dau, PY1KZ, onde foram apresentados casos de perturbações de radiadores não intencionais nas comunicações aeroportuárias, reforçando a necessidade de adoção de requisitos que obriguem ao atendimento de normas internacionais de EMC.

Neste evento estavam representantes da Anatel e Inmetro, que participaram de painel técnico sobre “A Regulamentação de EMC no Brasil”.

Este evento integra mais uma ação do GDE na defesa da adoção, pelo Brasil, de uma legislação que coíba a existência de dispositivos interferentes que ponham em risco as telecomunicações e outros sistemas que permeiam toda a sociedade brasileira.

Mais informações: https://www.labre.org.br/labre-participa-de-workshop-sobre-compatibilidade-eletromagnetica-do-instituto-eldorado/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *