Entre 16 e 19 de Novembro de 2023, data confirmada pela Marinha do Brasil, os Radioamadores PY1ZV Fábio, PT2IC Stephano e PY6RT Beto, sairão da costa brasileira em direção a uma das mais cobiçadas entidades DXCC do mundo. Eles estarão se deslocando até a ilha de Trindade, localizada no arquipélago de Trindade e Martim Vaz. A ilha da Trindade é a maior ilha deste arquipélago que fica localizado no Oceano Atlântico, a cerca de 1200 km a leste da cidade de Vitória, capital do Espírito Santo. O objetivo é realizar a ativação da 16ª mais procurada entidade DXCC, conforme dados do ClubLog de agosto de 2023.

Devido à dificuldade para se chegar à remota ilha, bem como os rigorosos protocolos para autorização da viagem até lá, já que o local constitui-se em área de proteção ambiental com visitação bastante restrita, a ativação da ilha é um evento raro. A última DXpedição a Trindade aconteceu em 2015, com o indicativo PQ0T. Desde então, do ponto de vista do Radioamadorismo, a ilha permaneceu sem atividade. Assim, a operação anunciada para 2023 é aguardada com ansiedade por aqueles que ainda não conseguiram tê-la em seu log, tanto no Brasil quanto lá fora.

Lá, eles utilizarão o indicativo especial PRØT, o qual já foi solicitado à ANATEL e se encontra em fase de análise e aguardando seu deferimento para ampla divulgação, enquanto este artigo está sendo redigido.  O time deverá permanecer na ilha da Trindade durante um curto período de 03 a 04 dias apenas.  Os expedicionários operarão com duas estações, uma SSB e outra CW, ambas com antenas verticais, e uma estação em FT8, operada remotamente pelos radioamadores PY2XB Fred, PY2WAS Alex, PY4AZ Alex, PY5EG Atilano, PY5KD Luciano, PY6TS Ramon, PY7RP Renner, PY8WW Renato e PC3T Alex.

As datas de operação já foram confirmadas. Será de 16 a 19 de novembro de 2023. A expedição contará com internet via satélite, o que permitirá não só a operação remota da terceira estação, como também o envio em tempo real dos contatos para a plataforma brasileira HamPass, que fará a publicação dos contatos também em tempo real. Veja em https://hampass.org/2023-pr0t

A viagem e a operação na ilha tem recebido amplo apoio da Marinha do Brasil, a qual não só concedeu autorização para a ativação a ilha, como também irá transportar os colegas e seus equipamentos em sua embarcação. Uma vez na ilha, os colegas ficarão hospedados nas instalações também mantidas pela Marinha na ilha da Trindade. A LABRE Nacional também tem prestado apoio através de sua diretoria e particular empenho do Presidente Marcone Cerqueira PY6MV. Para maiores informações, acesse www.PRØT.com.br e encontre todos os detalhes sobre a Expedição.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *