Início às 18:00 UTC do dia 27/04 / Final às 21:00 UTC do dia 28/04

O CBJ-DX Contest (antigo Concurso Batalha do Jenipapo) é uma competição, de âmbito sul americano, que tem por objetivo a confraternização dos radioamadores em comemoração alusiva à batalha travada no estado do Piauí (Brasil) às margens do Rio Jenipapo.

1. Apresentação:

O Contest Batalha do Jenipapo é uma competição, de âmbito sul americano, que tem por objetivo a confraternização dos radioamadores em comemoração alusiva à batalha travada no estado do Piauí (Brasil) às margens do Rio Jenipapo.

2. Histórico:

A Batalha do Jenipapo, um dos confrontos mais importantes da Independência do Brasil, foi um embate ocorrido no dia 13 de março de 1823 às margens do rio de mesmo nome na vila de Campo Maior, Piauí. Consistiu na luta de piauienses, maranhenses e cearenses contra as tropas do Major João José da Cunha Fidié, que era o comandante das tropas portuguesas, encarregadas de manter o norte da ex-colônia fiel à Coroa Portuguesa. Os brasileiros lutaram com instrumentos simples, não com armas de guerra, não tinham experiência. Perderam a batalha, mas fizeram com que a tropa desviasse seu destino. Foi uma das mais marcantes batalhas travadas na guerra da independência brasileira, e consolidou o território nacional. Em poucas horas de embate corpo a corpo, 200 brasileiros morreram, um número superior ao de todas as baixas ocorridas na Independência da Bahia (durante o movimento, que se estendeu por um ano e quatro meses em Salvador e arredores, houve aproximadamente 150 mortes no lado brasileiro). Os portugueses, em sua maioria bem treinados, ganharam a batalha, mas perderam a guerra da independência graças às táticas de guerrilha dos sertanejos: Após o combate do Jenipapo, num assalto de surpresa ao acampamento militar, eles se apoderaram dos armamentos e da munição, de dinheiro e bagagem do Major Fidié e, cercaram o caminho para Oeiras, forçando o comandante português a se retirar do Piauí.

3. Data:

Início às 18:00 UTC do dia 27/04
Final às 21:00 UTC do dia 28/04

4. Bandas

São válidos QSOs apenas nas bandas de 160m 80m, 40m, 20m, 15m e 10m, respeitando as limitações de banda e potência da classe de cada operador, inclusive nas operações MULTI-OPERADOR onde cada operador deve obedecer estas limitações individualmente.

5. Categorias

  • 5.1 – SOSB: Operador único, banda única;
    • 5.1.1 – Modo: SSB, CW ou MISTO;
    • 5.1.2 – Potência: QRP (potência máxima de 5W), LOW (até 100W) ou HIGH POWER (até 1500w).
  • 5.2 – SOAB: Operador único, todas as bandas;
    • 5.2.1 – Modo: SSB, CW ou MISTO;
    • 5.2.2 – Potência: QRP (potência máxima de 5W), LOW (até 100W) ou HIGH POWER (até 1500w).
  • 5.3 – SODB (SINGLE OPERATOR DUAL BAND): Operador único, bandas 10M e 80M;
    • 5.3.1 – Potência: LOW (até 100w);
    • 5.3.2 – Modo: SSB, CW ou MIXED;
  • 5.4 – JENIPAPINHO (teen): Competidores com até 16 anos de idade completos no ano do concurso, concorrendo na categoria DUAL BAND (10m e 80m).
  • 5.5 – MOST-MIX – LOW Power (até 100W) ou HIGH Power (até 1500w): Grupos, clubes, associações e estações multi-operadores-modo misto, mais de uma banda, independente da potência utilizada. Devendo usar 1 (um) único transmissor e, apenas um sinal transmitido é permitido a qualquer tempo. Poderá ser utilizado 1 (um) indicativo operado por vários radioamadores de forma alternada, na mesma estação, representando um grêmio, clube, grupo de escoteiros ou outro;
  • 5.6 – MULTI-TWO – 2 (DOIS) TRANSMISSORES: Mais de uma banda, independente da potência utilizada. São permitidos 2 (dois) sinais transmitidos a qualquer momento em 2 (duas) bandas diferentes. Ambos os transmissores podem trabalhar qualquer estação. Uma estação só pode ser trabalhada uma vez por banda E MODO, independentemente do transmissor utilizado. O log deve indicar qual transmissor realizou cada QSO (coluna 81 do modelo CABRILLO QSO para competições). Cada transmissor pode fazer no máximo (10) mudanças de banda em qualquer hora do relógio (00 a 59 minutos). O log enviado deverá indicar qual transmissor fez cada contato. A potência total de saída de cada sinal transmitido não deve exceder 1.500 (mil e quinhentos) watts.

Mais informações em:

https://hampass.org/cbjdx

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *